segunda-feira, 7 de abril de 2014

Capítulo 16

O primeiro dia de desfile na sapucaí foi maravilhoso, me diverti bastante, dancei bastante, ri bastante e claro, bebi bastante! No dia seguinte aproveitei para pegar uma corzinha na praia com a Clara, ficamos de papo furado e logo fomos pra casa, falei com o Júnior, perguntei como estavam as coisas e ele disse que estava se divertindo bastante, combinamos de ficar na amizade colorida, que podiamos pegar outras pessoas, mas nenhum dos dois fez isso. Estou vestindo meu abadá e falando com o Neymar pelo wpp, não paramos de nos falar um minuto esses dias separados. Fiz minha make, calcei meu salto e fiquei esperando a Clara, me despedi dele e descemos. Chegamos na sapucaí o desfile já havia começado, e a Beija Flor, escola da minha avó foi a primeira a entrar na avenida, mas por sorte ainda pegamos ela. A alegria estava estampada em seu rosto, ela estava magnifica, senti um orgulho imenso de ve-la ali representando, e mais orgulho ainda por exigir que a fantasia dela não tivesse aquelas penas toda que tem as outras. Assim que o desfile da Beija Flor acabou, fui pro bar e peguei uma bebida, fiquei na pista com a Clara aproveitando, enquanto minha mãe conversava com alguns amigos.
laisbianchi: A noite ta só começando... #sapucai #paradiseweekend
Fiquei dançando com a Clara, puxei minha mãe e logo minha avó chegou no camarote toda glamurosa, e com ela veio meu avô. Até que enfim saiu de casa pra alguma coisa. Fiquei me embebedando com a Clara, até que ela ficou pálida e com os olhos arregalados.

Laís: Que foi, ou ?
Clara: Olhe com seus próprios olhos.- apontou com a cabeça para algum lugar atrás de mim. Me virei e fiquei com os olhos arregalados. O que esse ser está fazendo aqui ? Não era pra estar em Salvador ?- Realmente ele deve estar apaixonado.- riu- Oi Juninho
Neymar: E ai, Clarinha- se cumprimentaram- Oi- sussurrou e sorriu-
Lais: O que você ta fazendo aqui ?
Neymar: Vim te fazer uma surpresa, ué. Ai volto pra Salvador com você amanhã.
Laís: Que gracinha- ri- Veio sozinho ?
Neymar: Com meu pai e o Duda.
Laís: Ah- sorri e ele me deu um selinho rápido- Aqui não, flore, não quero sair como suposta affair do Neymar.- ele riu-
Neymar: Chatinha.- me puxou pela cintura e me beijou, encerramos com selinho e devido a falta de ar-
Laís: Sai da minha cola agora.
Neymar: Eu venho aqui com todo amor do mundo e tu manda eu sair da sua cola ? Coitadaa.- eu ri- Vou falar com sua mãe e sua avó.- me deu um beijo no rosto e saiu, a Clara voltou pra perto de mim e continuamos dançando. Fui um pouco perto da grade e fiquei olhando o desfile. Olhei pra onde o Neymar estava e o mesmo estava conversando com algumas atrizes global- Gi Lancellotti, Jade Seba, Bruna Marquezine e Paloma Bernardi- ignorei e continuei vendo o desfile, a Clara foi pegar mais bebida e eu fiquei conversando com o Caio e com o Bruno, Caio como nem é palhaço me fez rir diversas vezes. A Clara voltou com as bebidas e continuamos ver o desfile, esses dois só falavam dos corpos das mulheres. Ficamos na sapucai até umas 7h30, minha mãe e meus avós foram embora bem antes que nós. O Neymar ficou de papo com as atrizes, inclusive a Bruna a noite inteira, e isso me deixou estressada. Fomos saindo e quando estavamos indo pro estacionamento, os repórteres nos pararam. O Neymar estava bem atrás de mim e da Clara, conversando com a Marquezine ainda.-
Léo Dias: Falaaa Laísinha.
Laís: Fala Léo- ri-
Léo Dias: Como foi a noite ? Bebeu bastante ?
Laís: Foi maravilhosa, bebi o suficiente.
Iris Stefanelli: Vem ca, a gente viu você beijando o Neymar lá, e agora ta com a Bruna. Como assim ?
Laís: Viram outra pessoa beijando ele, eu não- ri-
Edu Sterblitch: A lindissima Laís Bianchi.- me fez dar uma voltinha-
Laís:- ri- Obrigada. Sou apaixonada por tu.
Edu Sterblitch: Aoooooo, ganhei meu dia Boletaa.
Bola: Qual a próxima parada Laís ?
Laís: Salvadoor
Léo Dias: Neymar, Bruna- deu um grito e quase me deixou surda-
Edu Sterblitch: Fala só pra mim- fez aquela voz do Poderoso- Se ta ficando com o Neymar né ?!
Laís: Não to, juro. Temos amigos em comum, só isso- ri-
Edu Sterblitch: Não mente pra mim.
Laís: Não to mentindo, juro!
Bola: Vamos fingir que acreditamos.
Edu Sterblitch: Ele tem pegada ?
Laís: Não sei- ri, "ah tem, oh se tem"
Bola: Vamos la perguntar pra ele.- saíram e o Big se aproximou de mim- Fala muleke- deu aqueles toques doidos com ele
Edu Sterblitch: Vou direto ao ponto. Ta pegando a gostosa da Laís Bianchi ?
Neymar: Não- deu aquela risada maravilhosa- Somos só amigos.
Bola: E a Bruna ?
Neymar: Nos conhecemos hoje, po.
Edu Sterblitch: E dai ?? Se sai pegando qualquer uma rapá.
Neymar: Não é assim não, eu escolho direito- riu-
Bola: Acha a Laís bonita ?
Neymar: Todo homem acha.- eles fizeram uma pequena zuera e bagunçaram o cabelo do Neymar-
Edu Sterblitch: Elas vao voltar com você né ?! Ta bem de companhia hoje em homem.
Neymar:- riu- Se viu ?! Deixa eu ir la- deu aqueles toques doidos e foi saindo, como fiquei observando-o de dentro do carro vi que ele se despediu da Bruna e das amigas dela, e depois entrou no carro. Eu e a Clara já estávamos quase cochilando quando o carro deu partida-
Big Black: Vai ficar no hotel, Juninho ?
Neymar: Não, vou ficar com a Laís.
Laís: Não, ele vai ficar com a Bruna e com as amigas dela.- eles riram, o restante do caminho fomos em silencio. O Big nos deixou em frente de casa, entramos sem fazer barulho, me despedi da Clara e fui pro meu quarto acompanhada do Neymar- Tu deveria dormir la na sala.
Neymar: Só porque fiquei conversando com as meninas ?
Laís: É- revirei os olhos e fui pro banheiro, tirei minha maquiagem e troquei de roupa, voltei pro quarto e ele estava só de bermuda e deitado na cama, me deitei ao seu lado e ele me puxou pra ficar mais perto, ficou mexendo no celular e eu fiquei vendo o que ele fazia, curtiu umas fotos lá.- To com sono!
Neymar: Que horas é teu voo ?
Laís: 15h 
Neymar: O meu também, então vamos dormir- me deu um selinho demorado e ficou brincando com o meu cabelo e logo eu adormeci em seus braços. Acordei com o despertador do celular do Neymar, o xinguei mentalmente por ter colocado essa coisa pra despertar, mas agradeci-o porque vou conseguir me arrumar a tempo. Deixei ele na cama e fui pro banheiro, tomei um banho rápido e saí, vesti minhas peças intimas e vesti uma roupinha confortável, saí do banheiro e ele entrou. Como só iria ficar um dia lá, nem arrumei mala, ele saiu do banheiro já pronto e me deu um selinho. Peguei minha bolsa com meus pertences e descemos, comi apenas uma salada de fruta e fui pra sala ficar com o meu velhinho, o mimei enquanto pude e quando tive que ir dei um beijo bem estalado em seu rosto. Chegamos no aeroporto em 10 minutos, fizemos o check in e logo estávamos embarcando. Depois de quase três horas sentada, desembarcamos em solo baiano, fizemos o check out e pegamos um táxi indo direto pra folia, chegamos rapidinho, subimos pro camarote e encontramos os meninos do bonde, e por incrível que pareça, encontramos as amiguinhas do Neymar, e descobri que uma delas foi namorada do Guilherme. Fiquei conversando com a Rafa e com as meninas e ficamos aproveitando, subi no trio da Ivete e me esbaldei, novamente tive que dar explicações sobre meu envolvimento com o Neymar, mas negamos tudo. O Neymar ficou a maior parte conversando com os meninos, bem distante de mim, ele estava estranho, bem estranho. Voltamos pro camarote onde ele tinha fechado só pra ele e para amigos próximos, fiquei conversando com as meninas. Fui até o bar pegar uma bebida mas no caminho fui interrompida pelo jogadorzinho-
Laís: Diga.
Neymar: Estou com medo da sua resposta.
Laís: Só vai saber quando me dizer.- ri e ele sorriu-
Neymar: Não é paixão de carnaval, nem amor de verão. Pois te conheci antes do carnaval e antes do verão. Você conquistou meu coração muito rápido, achei estranho, tentei negar para mim mesmo, mas meu coração continuou dando indícios de paixão. E cá estou eu, na frente de todo mundo pra fazer isso- congelei porque sabia o que ele ia fazer e não estava pronta pra ouvir, mas ai ele sorriu, e isso acabou com toda minha tensão- Aceita ser minha namorada ?- as ultimas palavras me fizeram pensar em todos os momentos que já vivemos, desde o dia que nos conhecemos no restaurante até hoje. Por incrivel que pareça, eu me apaixonei rapido demais, me apeguei rapido demais, e sempre me falava que isso não ia prestar. Mas ai ele vem e me surpreende fazendo isso. O que eu faço com você ? Já sei, passei meus braços pelo seu pescoço e o beijei, um beijo como namorados, embora ele ainda não saiba, um beijo bem gostosinho e quando encerramos ficamos com gostinho de quero mais- Eu quero a resposta- ele sorriu- Da sua boca.
Laís: Sim, sim, sim, sim- o enchi de selinhos, ele me levantou e me girou- Você é completamente louco.
Neymar: Sim, por você!- sorriu e me beijou, ouvi a zuera em volta de nós e sorri entre o beijo, a Clara me abraçou apertado e nos desejou toda felicidade, e o restante do pessoal também. Aproveitamos o restinho da nossa madrugada. Fomos para o hotel onde eles estavam hospedados, a Clara se enfiou no quarto das meninas e eu fui dormir com o Neymar.- Minha namorada.
Laís: Meu namorado.
Neymar: Achei que você iria dizer não- ele riu-
Laís: Eu fiquei surpresa, não esperava, ainda mais no carnaval.
Neymar: Foi pra ficar marcado- riu- Dia 04 vai ficar na nossa história.
Laís: Vaaai ficar marcado pra sempre- entrelacei meus braços em seu pescoço e ele me beijou calmamente. Ele trancou a porta e voltou a me beijar. Foi me guiando lentamente até a cama, eu fiquei por baixo e ele por cima. Já sabia o que iria acontecer, mas diferente da primeira vez, qualquer insegurança não durou muito tempo. Continuamos nos beijando e não demorou muito para que ele descesse pro meu pescoço. Dava leves chupões, enquanto eu arranhava, de leve, suas costas. Tirou meu salto e o tênis dele e nem me preocupei em ver pra onde foram parar. Voltou a me beijar e dessa vez com mais ousadia, mas eu estava adorando, confesso. Livrou-se logo das minhas roupas, me deixando apenas de peças íntimas e eu tirei a camiseta dele, deixando aquele abdômen maravilhoso ao meu dispor. Fiquei no comando e comecei a dar beijos pelo peitoral dele, e pude perceber o quão arrepiado ele ficou. Sorri vitoriosa e continuei até chegar nos botões da calça. Olhei-o e ele estava sorrindo. Tirei logo e joguei-a longe. Voltamos a nos beijar por algum tempo, mas ele foi descendo seus beijos até meus seios e se livrou logo do meu sutiã, me deixando quase nua. Fiquei com um pouco de vergonha, como da primeira vez, mas no clima em que nos encontrávamos, felizes como estávamos, qualquer vergonha não permaneceria por muito tempo. Ele beijou/acariciou os meus seios, fazendo movimentos circulares nos mamilos. Fez tudo que queria, fazendo com que eu soltasse um gemido baixinho. Tirei sua cueca box e o documento dele já estava mais do que acordado! Hahah, fiz meu trabalho ali, deixando-o totalmente em extase, e só parei quando me vi satisfeita. Ou melhor, quando ele gozou. Desceu mais um pouco e se livrou da última peça que ainda me restava e começou a massagear meu clitóris, me deixando loucaaaa, a ponto de explodir num orgasmo quente.  Primeiramente ele colocou um dedo, depois dois e assim foi me levando totalmente a loucura. Depois de eu praticamente implorar que ele acabasse logo com aquela tortura, senti-o dentro de mim, e gemi. Ele começou um vai e vem lento, mas que foi aumentando a velocidade conforme eu pedia. A cada estocada era como se eu fosse ao céu e voltasse em questão de segundos. Trocamos as posições e chegamos ao clímax várias vezes. Quando ficamos cansados, tomamos um banho juntos e inevitavelmente acabou rolando uma rapidinha. Depois voltamos pro quarto e eu deitei abraçadinha com ele. (...) Um mês se passou, já completei um mês de namoro e estamos muito feliz. Hoje (09/04) acordei me sentindo bem indisposta, faz alguns dias que estou assim, mas dava pra levar, mas hoje não aguentei, meu celular despertou, desliguei o mesmo e voltei a dormir, mas minha mãe não deixou por muito tempo.

Heloísa: Filha, não vai pra faculdade ?- acariciou meu rosto-
Laís: To passando mal, mãe.
Heloísa: A mesma coisa de ontem ?
Laís: Sim, só que mais forte.
Heloísa: Vamos no médico, filha, por favor!
Laís: Ta bom, mãe- revirei os olhos-
Heloísa: Vou deixar a Duda na escolinha e volto pra ca.- assenti, ela me deu um beijo e eu tentei dormir mais um pouquinho. Mas como não consegui, me levantei logo e de cara senti uma tontura e voltei a me sentar, pqp. Força Laís! Fui caminhando até o banheiro me apoiando nas coisas, entrei no banheiro, fiz minhas necessidades, me despi e tomei um banho morninho, saí, me sequei e voltei pro meu quarto. Peguei uma roupa quentinha pois estava morrendo de frio, isso deve ser só um resfriado e minha mãe querendo me levar pro médico. Peguei apenas meu celular e fui pra cozinha, como não tinha vontade de comer nada, tomei só um suco de laranja. Faz dois dias que não como nada, e quando como vomito, mas essa parte não falei pra dona Heloísa. Minha mãe me mandou mensagem avisando que já estava lá embaixo, saí do apê, peguei o elevador e desci, passei pelo hall de entrada e cumprimentei o porteiro, saí e entrei no carro- Comeu ?
Laís: Tomei um copo de suco de laranja.
Heloísa: Isso mesmo, Laís, continua assim que você vai longe.- me olhou com cara feia-
Laís: Não tenho vontade de comer, ué.
Heloísa: Mas tem que comer.- revirei os olhos, fomos o resto do caminho em silencio, chegamos no hospital Sírio Libanês, ela estacionou e descemos, entreguei meus documentos na recepção e me sentei junto com a minha mãe, logo me chamaram em uma salinha pra medir febre, pressão e perguntar o que estava acontecendo. Contei que não estava comendo a 2 dias e minha mãe me deu uma puta bronca, o enfermeiro me encaminhou pra emergência e logo fui atendida.-
Dr. Bom dia- sorriu e apertou a minha mão- O que tira vocês duas da cama tão cedo ?
Laís: Estou passando mal, Doutor.
Dr: Me conte mais sobre isso.- falei as mesmas coisas que disse pro enfermeiro e ele ficou fazendo umas anotações- Vou pedir uns exames e te colocar no soro, mas isso deve ser um resfriado misturado com uma virose.
Laís: Vou ficar no soro por quanto tempo ?
Dr: Até você estar melhor, porque com essa carinha ai a senhorita não engana ninguém. Dois dias sem comer, já, não pode!- saímos da sua sala, e fomos pra uma sala mais reservada, onde não tinha ninguém. A enfermeira me colocou no soro, e começou minha tortura.
laisbianchi: Bom dia     
vivopeloneymar: o que houve, princesa ?
rafaellabeckran: melhoras, meu amor! Mais tarde passo pra te ver.  

claralbuquerque: o que se tem fi de rapariga ?
princessduda: essa Clara não da sossego nem nessas horas kkkk
neymarjr: to te ligando
umamorneymar: melhoras prin... Neymar preocupado   
Não demorou muito e fui interrompida pela ligação do meu jogadorzinho.

-inicio-
Laís: Oi
Neymar: O que se tem, amor ?
Laís: Virose e to resfriada- fiz voz manhosa-
Neymar: E o por que do soro ? Você não ta comendo né Laís ?!
Laís: Tudo o que eu como boto pra fora, então melhor não comer!
Neymar: Mas você tem que tentar, po! Já te falei isso, ficar sem comer não adianta nada.
Laís: Eu sei, mas não tenho vontade.
Neymar: Mas se esforça. Vou ver se me liberam da concentra pra ir ai te ver.
Laís: Não, Ju! Depois do jogo tu passa la em casa.
Neymar: Mas eu to preocupado, quero ficar perto de você.
Laís: Lindo! Eu to bem, minha mãe ta aqui comigo. Fica tranquilo.
Neymar: Ok, vai me dando noticias por whats.
Laís: Ta bom, amor.
Neymar: Se cuida ta ?!
Laís: Pode deixar, você também.
Neymar: Beijos.
-término-

Minha mãe revirou os olhos e riu, fiquei conversando com a Clara e depois o sono foi tomando conta de mim e eu capotei. Acordei com a voz da minha mãe conversando com outra pessoa, abri os olhos devagar e vi o médico que me atendeu, ele me olhou e sorriu, continuou falando com a minha mãe e logo saiu.

Laís: O que ele disse ?
Heloísa: Que sua pressão estava bem baixa, as plaquetas também. Mas vai te dar alta porque se você ficar no hospital pode piorar.
Laís: Aleluia, senhor!- ela riu- Que horas são ?
Heloísa: 14:30.
Laís: Nossa, dormi demais.- logo a enfermeira apareceu e tirou a agulha de mim, colocou um band aid e me entregou a alta, saímos dali e fomos direto pro carro. Minha mãe parou no P6 e almoçamos por lá, ela me deixou em casa e voltou pro trabalho já que a Clara iria ficar comigo, entrei no apê e nem sinal da Duda e do Marcelo, devem ter saído. Sentei no sofá e a campainha tocou, nossa Anna Clara eu te mato. Me levantei e abri a porta dando de cara com a Carol e a Clara- Hello.
Carol: Ta melhor ?- entraram e eu fechei a porta-
Laís: Não 100%, mas to bem.
Clara: Já almoçou o rapariga ?
Laís: Já, estrupício.
Carol: O que vamos fazer ? Não to afim de ficar olhando pra cara de vocês.
Clara: Quero assistir filme.- a Carol ligou a tv e ficou passando os canais até parar no TeleCine Pipoca, ficamos assistindo Uma noite no museu 2, elas mais falavam que assistiam, e eu só ria dos papos. Quando minha mãe chegou foi direto preparar algo pra nós comermos, fez um lanchinho natural pra nós e nos deliciamos com aquela gostosura. A Duda e o Marcelo chegaram e eu fiquei com a minha princesa, umas 20h as meninas foram embora e eu fui pro meu quarto, liguei a TV em um canal de esporte e vi que o jogo do Santos tinha acabado de acabar hahaha. O Neymar passou rápido pelos jornalistas sem falar um A, desliguei a mesma e fui pro banheiro, tomei um banho rápido e vesti meu pijaminha, voltei pro quarto, liguei o ar e me enfiei debaixo das cobertas e fiquei assistindo desenho.-
Laís: Entra!
xxx: Oi amor.- entrou e fechou a porta e veio até mim- Como você ta ?
Laís: Melhor!- sorri e ele me deu um selinho-
Neymar: Comeu né ?!
Laís: Comi pela semana inteira que não tinha comido.- ele riu-
Neymar: Gosto assim.- acariciou meu rosto- Rafa, queria vir comigo, mas não deixei!
Laís: Por que ? Coitada- ri-
Neymar: Porque vou dormir aqui e não tinha como ela voltar.
Laís: Era só ela dormir aqui, Júnior.
Neymar: Não pensei nisso, tava preocupado com você.- sorri- To cansado.- se deitou com a cabeça nas minhas pernas e eu fiquei fazendo cafuné nele durante um bom tempo. Percebi que sua respiração estava ofegante, levantei um pouco o corpo e vi que ele tinha adormecido, o ajeitei na cama e me deitei ao seu lado, fiquei vendo o restinho da novela e depois mexendo no celular até ele acordar.- Oi.
Laís: Te acordei ?
Neymar: Não.- sorriu- Acordei com vontade de mijar.
Laís: É fazer xixi, Júnior.
Neymar: Pros homens é mijar.- riu e se levantou e foi pro banheiro, voltou um tempo depois e sorriu-
Laís: Lavou as mãos né ?!
Neymar: Claro né, não sou porco.
Laís: Não sei.- ri- Vem dormir, vem.- ele se deitou ao meu lado, virei de lado e logo ele passou seus braços pela minha cintura, e adormeci... Acordei bem melhor que o dia anterior, acho que os remédios já estão fazendo efeito, tirei o braço do Jú de cima de mim e fui pro banheiro, fiz as mesmas coisas de sempre, coloquei uma roupa fresquinha pra ir pra faculdade, saí do quarto e fui pra cozinha, comi uma pera e voltei pro quarto, escovei meus dentes e dei um beijinho no rosto do Júnior. Peguei meu material e saí, entrei no carro e fui pra faculdade. (...) Mais uma semana se passou, fiquei um dia boa e os outros já piorei, minhas tonturas voltaram muito mais forte, aula pratica na faculdade ? Nem pensar, me da enjoo. Minha mãe quer por que quer que eu volte ao médico, mas já disse que não vou. Além disso minha menstruação está atrasada, mas como na minha relação com o Júnior sempre usamos camisinha, exceto a vez que ele me pediu em namoro, está tudo tranquilo. Acordei já era mais de 10h, não fui pra faculdade pois não estava me aguentando em pé, me levantei, tomei um banho demorado e me vesti, peguei minha bolsa e meu celular pois estava atrasada pra minha consulta com a ginecologista, peguei uma maçã na cozinha e desci comendo. Estacionei meu carro em frente ao consultório, saí e alarmei o mesmo, entrei, dei meu nome na recepção e fiquei esperando uns 10 minutos, até a Dra Claudia me chamar-
Dra Claudia: Quanto tempo em, mocinha.
Laís: Faculdade esta me deixando louca- ri-
Dra Claudia: Vou pensar se te desculpo- riu- Mas vamos ao que interessa. Está tudo bem ?
Laís: Sim, só minha menstruação que está atrasada, mas isso não é novidade, já que ela é desregulada.
Dra Claudia: Atrasada quanto tempo ?
Laís: Umas 3 semanas.
Dra Claudia: Hum- fez umas anotações e me encheu de perguntas, como ela é amiga da minha mãe ela soube que eu estava passando mal- Não custa nada você fazer, Laís. Você já sabe que vai dar negativo.
Laís: Mas não tem necessidade, Claudia.
Dra Claudia: Vamos fazer e pronto.- ela abriu a gaveta e pegou um potinho de fazer xixi- Vai la no banheiro.- revirei os olhos e me levantei, fiz xixi no potinho e voltei pra sala, entreguei pra ela e ela colocou um palitinho ali dentro, esperamos em torno de 3 minutos e apareceu dois risquinhos no palitinho-
Laís: O que significa isso ?
Dra Claudia: Significa que você esta gravida!- oi ? o que ? não, não é possivel! eu e o Neymar nos prevenimos todas as vezes, exceto uma, mas não é possível que uma vez já gere um filho, não, esse teste ta errado, não, não, não. Não pode ser! Ele vai me matar, minha mãe vai me matar, meu paaaai vai ter um treco. Meu Deus. O que eu fiz ?- Calma Laís, é um filho. Isso não vai te matar, ao contrario, vai te ajudar amadurecer, ter responsabilidade. Você é jovem, eu sei, mas isso vai servir pra te ajudar, pra você criar mais responsabilidade, você vai amadurecer mais. Esse bebê vai ser uma benção na sua vida. E relaxa, e a sua mãe não vai te rejeitar, ela me falou dessa hipótese, obvio que não estamos prontas pra receber a noticia que a nossa filha está gravida, mas tenho certeza que ela vai ficar do seu lado.
Laís: Não, você não me entende! Esse bebê veio na hora errada, eu quero tirar.- falei decidida, mas logo depois me arrependi do que disse- Não, não, não.- as lagrimas que até então estava segurando desceram pelo meu rosto, a Claudia se levantou e me abraçou-
Dra Claudia: Vai pra Claudia, esfria a cabeça. Parabéns mamãe,- sorriu, sorri em forma de agradecimento, ela me levou pra uma outra salinha, troquei de roupa e fiz o primeiro ultrassom do meu bebê. É apenas um pontinho, meu pontinho! Estou gravida de 5 semanas, meu pontinho tem apenas 2mm, é bem pequenininho! Meu pontinho, só meu! Ela limpou minha barriga, troquei de roupa, me despedi dela  e saí do seu consultório desorientada. Como vou contar isso pro Neymar ? Porra! Ele não vai querer mais saber de mim, o que eu vou fazer ? Ah meu Deus. Não, eu não vou contar pra ele, ele não precisa saber desse filho, não precisa, ele está bem como está. É isso, eu preciso mudar de cidade, não, preciso mudar de país, é isso que eu vou fazer. Vou mudar de país com o meu pontinho, é melhor do que contar ao pai dele e nós dois sermos rejeitados. Coloquei a mão na minha barriga e acariciei-a.Voltei pra casa, subi imediatamente e fui pro meu quarto e chorei, chorei, chorei, chorei. Liguei pra Clara e em 5 minutos ela estava em casa-
Clara: Me fala o que houve ? É o Neymar ? Se for eu quebro a cara desse muleke.
Laís: E-e t-to g-grávida.- ela me olhou espantada, e a cor do seu rosto sumiu-
Clara: Meu Deus, Laís- sorriu- Eu vou ser titia, porra!- me abraçou que nem uma louca- Ahh amiga, que felicidade. Para de chorar, isso é uma alegria, eu vou ser tia, po.- só ela pra me fazer rir nessas horas- O Neymar ja sabe ?
Laís: Obvio que não né ?! E eu não vou contar, vou fugir com meu pontinho.
Clara: Seu o que ? Você vai fazer o que ?
Laís: Meu pontinho- sorri- Clara, eu não vou contar, ele não vai nem querer saber, vai falar que essa gravidez foi por interesse. Por favor, não insista.- ela não falou mais nada e me abraçou. Minha mãe bateu na porta e entrou-
Heloísa: Não adianta me esconder, porque eu já sei! O que você tem na cabeça ? Porque certamente cérebro não é. Quantas vezes eu conversei com você sobre isso, Laís ? Quantas ? Te expliquei tudo, te alertei sobre tudo. Você traiu a minha confiança, traiu. A gente sempre conversou abertamente sobre isso, sempre, e você me da uma dessas ? Não to acreditando.
Laís: Mãe, a gente sempre se preveniu, uma vez que esquecemos aconteceu isso. Eu não tenho culpa, foi uma irresponsabilidade de nós dois, mas agora já foi.
Heloísa: Você vai ter que largar os estudos, vai deixar a sua vida pra la por causa de uma irresponsabilidade.
Laís: É um filho mãe, quando ele estiver maiorzinho eu vou voltar a estudar, porque quero dar um futuro pra ele.- seus olhos se encheram de lagrimas e ela me abraçou-
Heloísa: Minha menininha vai ser mãe, e eu vou ser avó.- sorri- Ah filha, eu não queria isso pra você. Não agora.
Laís: Eu também não! Mas se ele está vindo agora é porque Deus achou que era a hora.
Heloísa: O que você pretende fazer ?
Laís: Mudar de país o mais rápido possível.- minha mãe me olhou pasma-
Heloísa: Mas e o Juninho ?
Laís: Não vou contar, ele não vai querer saber desse bebê e eu não vou suportar ser rejeitada. Vou fugir com meu pontinho.
Heloísa: Seu o que ?
Laís: Meu pontinho. -sorri-
Heloísa: Você sabe que isso não é o melhor a fazer.
Laís: Mas é o que eu vou fazer.
Heloísa: Você vai pra onde, Laís ? Sozinha ? Você sabe que não posso deixar tudo aqui.
Clara: Eu vou com ela, tia.
Laís: Sério ?
Clara: Sério- sorriu- Amigas nas horas boas, amigas nas horas ruins.- sorri eternamente, ela se sentou ao meu lado e me abraçou. Minha mãe tentou tirar essa ideia da minha cabeça, mas não conseguiu. Eu só quero que meu Potinho tenha uma vida boa, e se eu for rejeitada não vou conseguir proporcionar isso a ele. Liguei pra Carol pedindo pra ela vir pra casa e trazer o Davi, a mesma disse que ia pega-lo na escolinha e vinha...


Olá meninas! Juro que tentei postar o mais rapido do mundo, mas não consegui. Eu disse pra vocês que haveria surpresas, e ai está hahahah vocês pediram pelo pedido de namoro, resolvi fazer. Em um capitulo só coloquei muitaaaaaas coisas, mas é que a parte boa do blog ta começando agora. Espero que gostem do Pontinho da Laís, beijinhos

25 comentários:

  1. Ah, não acho que ela deva ir pra outro país, ta virando modinha já esse negócio de ficar grávida e sumir sem contar pra ele, fica meio chato, sei lá.
    Tu podia meio que, fazer algo em que ela fosse contar pra alguém, ou comentasse sobre a gravidez e o Júnior escutasse, mas não falasse nada e no dia que ela fosse ir embora, ele impedisse ela de ir e tal.
    Minha opinião, mas continua. Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Acho qe o Junior tem qe descobrir e nao deixar ela ir pra outro pais,acho qe ela nao tem qe perder o bb e acho qe ela pode estar gravia de 1 menina e de 1 menina,Eva e Dom bjs

    ResponderExcluir
  3. Achei meio cedo pra gravidez, pq fica meio clichê e tbm fica um pouco chato, e eles mal tiveram momentos dos dois depois do pedido do namoro, mas vc que sabe o que vai ser melhor pra vc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo , eu acho que ela nao tinha q ficar gravida agr , começo de namoro , eu acho que tinha que acontecer muitas coisas ainda e tals , talvez deu errado , ela iria ter mais responsabilidade . eu achava melhor ela curtir o começo do namoro e tals .. Eu achsva que iria rolar briguinhas , ciumes dela nas baladinhas e tals .. Minha opniao

      Excluir
  4. Eu acho que ela deveria pensar e contar pra ele, porque tá tudo mundo fazendo ela escondendo o bebê e tal.

    ResponderExcluir
  5. Aa que história é essa da Lais fugir, ela tem que contar pro Junior ele tem o direito de saber, e tenho certeza que ele vai ficar feliz e apoiar ela, continua rápido e a mãe dela não pode permitir tem que botar juízo na cabeça dela e fazer ela contar*----*

    ResponderExcluir
  6. Vocês sabe o significado da palavra "clichê"? Acho que não, né? Pelo amor de Deus! Eu leio blogs, escrevo um e são POUQUÍSSIMOS os que a personagem engravida e vai embora pra outro país! O que vocês estão cansadas de ler por aí é o mesmo de sempre: namoram, brigam, voltam, brigam, namoram, engravida, marca o casamento e fim, viveram felizes para sempre! O que eu e a Vic pensamos em fazer foi criar uma história diferenciada< e no primeiro instante em que colocamos as ideias em prática, fomos "apedrejadas". Clichê seria se com 1 MÊS< de namoro o Neymar descobrisse e falasse que esse filho sempre foi tudo que ele sonhou. Obrigada pelas críticas, vamos tentar agradar vocês.

    ResponderExcluir
  7. Não faz isso com eles ?! A lais tem que contar pro ju !!

    ResponderExcluir
  8. Noooooooooossa. PARA TUDOOO. hahah AMEI AMEI AMEI.
    Eu acho que quando a ca chegar a lais conta. E a noite quando a rafa for la falar com a lais, o juninho ir junto. Tipo, a rafa pode chegar com o juninho, a heloisa deixa eles entrarem em casa e a rafa sobe na frente dee enquanto ele brincava com a duda... a rafa entra e a lais conta pra ela e bem na hora o juninho aparece e ouve tudo...
    -Acho que algo assim fica legal.. -Maari continua

    ResponderExcluir
  9. Eu adoreii, mais o junior tem que descobrir e nao deixar ela ir embora, @meumeninoneymar

    ResponderExcluir
  10. Seria realmente diferente ela ir pra outro país porém é errado com o Júnior acho que ele podia ligar pra ela e o cel só dá caixa e nisso ele ligaria pra casa dela e a Duda atenderia e falava q ela tinha ido pro aeroporto com a clara pra fugir com o pontinho dela nisso a mãe dela pegaria o telefone depois do Ney insistir a mãe dela contaria tudo e o Ney ligaria pra algum conhecido da polícia federal e pediria pra ele atrasar o voo ou não deixar elas embacarem a mãe dela daria os dados certinhos das duas e do voo e esse conhecido ajudaria o Ney q depois disse q mandaria presentes pros filhos do cara e o resto é com vcs... bj van

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha ta ai gostei, diferente sua ideia!

      Excluir
    2. Que emocionante. Curti

      Excluir
  11. Poh Vei não quero que ela va pra outro país não deixa ela perto do júnior mesmo e ele ajuda ela cuidar da criança, tipo coloca ela pra ir pra outro país mais aí na hora do voo o júnior chega no aeroporto e impede ela de ir, ou então se vc quer colocar ela pra ir pra outro país deixa a ir mais ai chega um dia que o júnior resolve ir na casa dela conversa com a mãe dela e saber Pq ela foi embora aí ele descobre que ela tava grávida e foi embora com medo dele rejeitar o filho aí ele vai atraz dela e o filho/filha já nasceu e tem 1 ano sla algo assim, @sexyneymar

    ResponderExcluir
  12. Eu gostei da ideia de vcs , meio diferente, como ta no inicio espero q vcs mostrem o crecimento da ctianca,pq blog nenhum mostram, casam, tem o nenem e acaba, minha opniao by julia

    ResponderExcluir
  13. Acho que podia fazer asssim, a hora que a Carol for ver ela , ela levasse o Davi e ele escutasse ela falando que ta gravida e no outro dia ele ir ver o Junior e meio que falar que vai ganhar um irmao, ai o Junior pergunta se a Carol ta gravida e ele fala que nao e dai o Junior chega na casa dela a hora que ela ta indo pro aeroporto. Espero que goste da ideia

    ResponderExcluir
  14. Caracaaa quanta coisa hahah nao achei que ia ser tão rápido assim, mas acho que essa idéia aqui de cima ótima haha, acho q ela nao tem que esconder mt tempo o bebe, tipo ate despois de nasce, acho que tem q ser antes de nascer! @robertinhaD

    ResponderExcluir
  15. Indica ? http://amorquepramimerasonho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Poxa gnt cedao esse bebe. Eles deviam ter um tempinho so pra eles

    ResponderExcluir
  17. Ameiii, achei legal a ideia de o Davi conta pro Neymar, fica diferente

    ResponderExcluir
  18. Meu Deus TO PASMA COM A GRAVIDEZ DELA... E ela vai embora logo agora??? :( e esse pontinho? awwwwwwwwwwwwww @MyBoyNJR

    ResponderExcluir
  19. Qe perfeito... mas ela vai embora msm ?? Alguém vai conta pro Ju e ele vai impedi neah ? Aff não kero os dois longe.. ou melhor tbm seria legal ela ir embora, ela podia dizer qe vai a passeio, e dps de 1 mes ele ir atras sem ela saber e descobrir a gravidez dela.. e aficar com ela. kakkaka Bom tú qe sabe. Mas tá top, bjinhus

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar, volte sempre! Beijocas